#20: Como organizo a minha maquilhagem

Onde é que eu me fui refugiar?

O meu feed do facebook está inundado sobre tópicos relativos ao Covid19, de pessoas com a revolta de que não querem que se passeie na marginal de Quarteira – e com razão, pois ninguém é melhor que ninguém.

De restrições absurdas na Austrália: “podes ir para a praia, mas não te podes deitar, nem sentar.” Ora, que é que uma pessoa vai lá fazer então?

Assisti a um video do Bolsonaro a tossir, que mais parecia que tinha a tuberculose, ah não, o Covid, mas ele continua a aliciar as pessoas a “continuarem” a meterem-se em aglomerações e a “viver”.

A viver? Ou a continuar a fazer dinheiro para ti Bolsonaro? Aparentemente o produto bruto do país é mais importante do que a vida do povo que votou nele. Haja decência naquele homem, que é o que mais falta.

Pondo o Covid19 de lado e de como está a varrer sem piedade pessoas e empresas. Quarentena para alguns significa cirrose no fim disto tudo, para pais significa o fim da macacada – nem eu fazia ideia que matemática do primeiro ano de primaria equivalia ao quarto?

Pelo menos eu na primeira classe lembro-me de aprender o AEIOU e a picotar formas e letras e não de fazer fichas da avaliação que mesmo hoje que eu tente não vou conseguir solucionar. Eu sou mais de letras e imagens e menos de números, ok. Mas pais, desejo-vos muita força, muita força mesmo, e muito café.

Comecei este post com uma pergunta a dizer onde me fui refugiar… Refugiu-me aqui no blog, a criar conteúdo que ache faça algum sentido para vocês e tento não pensar em todos os problemas que este fdp criou e está a criar.

Comecei uma marca não comecei, fiz uma coleção não fiz, ora adivinhem o que não vai abrir em Agosto? O sitio onde eu poderia mostrar e fazer os meus contactos para poder vender a marca. Neste momento, segundo os meus planos estaria a fazer os padrões e a costurar as novas peças. Estaria em contacto com fábricas em Portugal que estariam a desenvolver protótipos da coleção “irmã”. Tinha a Mommypit a vender coisinhas fixes a bons preços para mães que realmente precisam.

Estaria a fazer tanta, mas tanta coisa, que não pensaria sequer uma vez neste blog. Simplesmente não teria tempo.

Com a feira da moda cancelada, o estar isolada “no campo”, onde se eu tiver que enviar encomendas tenho de conduzir meia hora até á cidade maior. Ai minha gente, está complicado. E não quero pensar muito.

Por isso que me refugio aqui.

Preciso de me sentir útil. Preciso de sentir que estou a contribuir para algo, seja realmente aquilo que for. É difícil ter motivação para pensar no futuro, que é tão incerto. Por isso refugio-me aqui, convosco. E tento achar soluções para vocês para coisas, que se calhar hoje em dia têm mais tempo para pensar.

Até hoje, orgulho-me do conteúdo que criei. Até hoje mostrei-vos:

  • Como construir um guarda-roupa clássico mas elegante com peças que já tenham
  • Como parecer mais elegante com simples truques de moda
  • Como fazer maquilhagem para olhos redondos e “fundos”
  • Como construir um closet de inveja com mobilia que já temos em casa
  • Como treinar em casa
  • Como ser feliz em casa durante a quarentena
  • Como fazer uma rotina de beleza fantástica com produtos da cozinha. (oh, este ainda não mostrei…estará amanhã no canal).

etc, etc, etc…

Eu orgulho-me do que criei e do que possa vir a criar. Aquilo que eu quero sentir é que estou a ajudar e não a chatear as pessoas, porque para chatear já basta o Covid19.

No post de hoje, vim desabafar um pouco e inteirar-vos das minhas intenções. Enquanto eu achar que posso e estou a ajudar, vou-o continuar a fazer. E ajuda eu gostar muito de fazer isto, senão era difícil.

Para o tema de hoje e a véspera de mais um video que tenha a ver com beleza é como organizo a maquilhagem.

Eu gosto de ver as coisas todas visíveis. Tal como o meu guarda-roupa, gosto de ver aquilo que tenho e ter coisas enfiadas na gaveta tira-me do sério. Assim que eu descobri esta caixinha da Nomess que é como se fosse a minha mesa de maquilhagem e de arrumação, onde posso levar o que preciso para todo o lado. Ás vezes tenho de olhar pelo menino enquanto me maquilho e ajuda-me tanto agarrar na caixa e ir para o pé dele. Sem ter que levar tudo o que preciso na mão.

Outra coisa que encontrei foi esta caixa de metal que parece para meter garrafas de leite, que acho que encontrei no Netto, equivalente ao Lidl aí e achei imensa piada. Eu quando a vi, pensei logo que era perfeita para a casa de banho e para meter os produtos de limpeza ou neste caso de maquilhagem.

Obrigada por lerem e desejo-vos um bom dia x

Leave a Reply